Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Já falamos algumas vezes de Juscelino Kubitschek em Campina Grande, inclusive já postamos a foto abaixo:


O histórico jornal "Estado de São Paulo" também publicou algumas notas sobre a relação de JK com Campina Grande e que disponibilizamos a seguir:

13 de Julho de 1957

11 de Março de 1958

25 de abril de 1958

O colaborador do BlogRHCG Edmilson Rodrigues do Ó nos enviou um comentário que atualiza as informações curiosas sobre a estátua de JK, em Campina Grande:

"É interessante ressaltar que, aquela estátua do grande presidente Juscelino Kubitschek erigida na Praça da Bandeira, em frente ao edifício dos Correios e Telégrafos, foi fruto dessa campanha popular idealizada e coordenada pelo sr. Alvino de Farias Pimentel que era amigo pessoal do presidente e seu anfitrião em Campina Grande. 
A estátua, durante o período de construção do monumento ficou exposta a visitação pública no saguão da emprêsa comercial da qual o sr. Alvino Pimentel era o titular, localizada nas Boninas, ou seja, na Rua Felix Araujo - 216. Naquela época eu fazia parte do quadro funcional da referida emprêsa e, consequentemente, acompanhei de perto todas as minúcias do arrojado projeto que hoje já faz parte da história de Campina Grande."

2 comentários

  1. Edmilson Rodrigues do Ó on 3 de agosto de 2012 12:58

    É interessante ressaltar que, aquela estátua do grande presidente Juscelino Kubitschek erigida na Praça da Bandeira, em frente ao edifício dos Correios e Telégrafos, foi fruto dessa campanha popular idealizada e coordenada pelo sr. Alvino de Farias Pimentel que era amigo pessoal do presente e seu anfitrião em Campina Grande. A estátua, durante o período de construção do monumento ficou exposta a visitação pública no saguão da emprêsa comercial da qual o sr. Alvino Pimentel era o titular, localizada nas Boninas, ou seja, na Rua Felix Araujo - 216. Naquela época eu fazia parte do quadro funcional da referida emprêsa e, consequentemente, acompanhei de perto todas as minúcias do arrojado projeto que hoje já faz parte da história de Campina Grande.

     
  2. Edmilson Rodrigues do Ó on 3 de agosto de 2012 13:05

    No comentário acima, a palavra "presente", leia-se, PRESIDENTE.

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br