Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

O repórter fotográfico Cláudio Góes, responsável por inúmeras contribuições diretas e indiretas ao Blog, nos envia uma coletânea de foto-reproduções que retratam, em suas imagens (algumas já postadas anteriormente), destaques urbanísticos de Campina Grande em várias épocas e em várias localidades, devidamente identificadas.

Agradecendo o envio, curtam as imagens:














10 comentários

  1. Anônimo on 18 de janeiro de 2013 16:07

    sobre a ultima foto, a mosca também é de 1932?

     
  2. Walmir Chaves on 18 de janeiro de 2013 16:54

    É emocionante ver as casas que resistiram até os anos 60s!

     
  3. Paulo Gomes on 18 de janeiro de 2013 18:58

    Bela postagem,parabéns!

     
  4. Anônimo on 18 de janeiro de 2013 20:33

    Qualidade muito boa! Gostei.

     
  5. Anônimo on 19 de janeiro de 2013 12:13

    Parabéns a todos os colaboradores assim como aos que fazem o RHCG. Querem mesmo nos matar de nostalgia.

    Se algum colaborador tiver fotos da Rua 7 de Setembro na sua originalidade, principalmente em ângulo com a Praça Alfredo Dantas e Rua do Lapa (Epitácio Pessoa) especialmente o casarão colonial onde funcionava o Hotel Regina onde hoje se instala o Banco Itaú, que se faça publicar. Será uma página histórica...!

     
  6. Edmilson Rodrigues do Ó on 19 de janeiro de 2013 12:29

    O nobre colaborador refere-se, notadamente ao casarão de José Barbosa que se erguia, pomposamente, onde hoje é o "barracão" do Banco Itaú. O belíssimo casarão, em conjunto com os demais vizinhos, formavam um conjunto da arquitetura clássica de rara beleza.
    Infelizmente, me parece que existem poucas fotos daquele belíssimo recanto.

     
  7. Anônimo on 19 de janeiro de 2013 20:45

    A fotografia da rua Irineu Joffily é bem reveladora sobre a vida da cidade naqueles anos da decada de 1930.
    De cara aparece um catavento no local onde hoje existe a praça Cel.Antônio Pessoa(já seria a falta de água na cidade?.
    Mais adiante, no lado direito da rua, aparece o prédio de uma padaria no que seria hoje a esquina da praça.
    Curiosamente nos dias de hoje também existe uma padaria, localizada no lado esquerdo da rua.
    Mais acima ´-lado esquerdo-dá prá ver o prédio do moinho Tigre que fabricava o café da mesma marca.
    No lado direito não existe o prédio do Babilônia que só seria construído em 1939.
    E bem atrás - ainda no lado direito-os fundos do Capitólio que já funcionava desde 1934.
    Muito boa a foto.

     
  8. José Edmilson Rodrigues on 21 de janeiro de 2013 09:20

    Fotos restauradas e reproduzidas através de originais adquiridos por Edson Vasconcelos da família de Sóter Carvalho.

     
  9. Walmir Chaves on 26 de janeiro de 2013 06:20

    São maravilhosas essas fotos!!! Não me canso de vê-las. Hoje olhei bem os camiões da época...kkk Lembrei-me das reproduções dessas marcas nos brinquedos da minha tenra infância! Meu Deus, que coisa mais "esculhambada" e naquela época nos parecia divinas! kkk

     
  10. Vera Lúcia Chaves Daiha on 10 de julho de 2013 10:11

    Fico encantada, cada vez que acesso este blog! Nasci em Campina Grande e moro em Salvador, desde 1958, para onde vim com 12 anos. Acompanho o progresso de minha terra e de vez em quando, apareço por lá, onde deixei inúmeros amigos. Parabéns pelo blog, muito bem elaborado, que me faz viajar para tempos mais leves e agradáveis, na minha Paraíba. meu pai era engenheiro da Produção Mineral, que merece menção, pelo que representou também no progresso de Campina. Estudei no Estadua, no ano de 1957, 1º Ginasial, na época e gostaria muito de fazer contato com antigas colegas.Um grande abraço!

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br