Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

As imagens abaixo, componentes do acervo da Sra. Rita Barros Kampaman, nos foram enviadas por André Costa Barros. São fotos sensacionais, captadas nas suas visitas à Campina Grande - sua cidade natal -, nas décadas de 80 e 90.

Seguem as fotos abaixo, com descrições:

Foto 01:


Trecho da Floriano Peixoto nos anos 80. Ao fundo, o chamado "Contorno do CPUC", onde hoje está o Viaduto Elpídio de Almeida. O prédio em construção ao lado esquerdo é o "Hotel do Vale".

Foto 02:


Rua Monte Santo em foto dos anos 80. O que chamou nossa atenção, foi o "Carro de Mão", aliás os dois. Era muito comum a visualização desta engenhoca nas ruas de Campina Grande.

Foto 03:


Outro registro do período 70/80. A Rua é a Marquês do Herval no Centro. Podemos visualizar o Edifício Rique e ao fundo, a loja "Armazém do Norte", bem como a Tabajara (financeira) logo atrás do Opala vermelho.

Foto 04:


Praça Alfredo Dantas no início da Década de 1980.

Foto 05:


Inicio da Rua Afonso Campos, ao lado do posto Esso do Sr. Artur Monteiro, mais tarde Posto Futurama. Observamos ainda o "Caldo do Peixe", Sinatra Bar e Pilon que fazia chaves.

Foto 06:


Proximidades do Parque Evaldo Cruz nos anos 80.

Foto 07:


A antiga reitoria da FURNE (UEPB) nos anos 80.

Foto 08:


Estação Velha nos anos 80. Detalhe: No letreiro lê-se "Restaurante Turístico", comandado pelos irmãos Batista que também gerenciavam no mesmo local a "Boite Maria Fumaça".

Foto 09:


Registro de artistas populares em apresentação ao ar livre no Calçadão, cotidiano dos anos 80

Foto 10:


O Açude de Bodocongó nos anos 80.

3 comentários

  1. Anônimo on 4 de novembro de 2013 14:23

    Massa!

     
  2. Anônimo on 4 de novembro de 2013 19:22

    Acredito que a última foto (UFPB/Açude) esteja invertida.

     
  3. Gutenbergue Viana on 5 de novembro de 2013 10:13

    Acho que essas pessoas que tiravam essas fotos, na época eram consideradas abestalhadas... tirando foto da rua, dos carros... hahaha hoje em dia que a gente pode tirar mil fotos e não se "gasta" nada, mas, nesse tempo que tinha que comprar filme, com número de fotos contados, e ainda ter sorte de todas estarem boas, sem nenhuma "queimada"... e a pessoa ainda "gastar" filme com fotos do meio da rua! hahaha hoje a gente coloca essa pessoa no céu por nos proporcionar essas fotos! :D

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br