Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Recebi algumas fotos de amigos do fundo do baú de alguns blocos de moças e rapazes, agremiação carnavalesca sócio-etílico-cultural que animou o carnaval de Campina Grande nas décadas de 60 e 70. Aproveitem. Se você sabe algo sobre estes foliões  retratados aqui,  mande seu comentário, por favor.

Do meu amigo  Honório Pedrosa Recebi esta relíquia abaixo do Bloco: A Turma do Lambe Lambe:

--> Da esquerda para direita: Raimundo Asfora, José Lopes de Andrade, Lauro Lima,
Seu Pedrosa da Livraria, Edvaldo do Ó, Valter Camboim e Lúcio Rabelo.


-->
 Os Amigos do Bloco “Vadios do São José: Maika, Jobedis, Nice, Verônica (irmã de Naldo), Naldo, Beri, Lourdes Galega atrás de Beri, Patrícia e  Som no carnaval da AABB na década de 70

  A foto é do Bloco MAMÃE NÃO DEIXA de noite tinha o nome MAMÃE DEIXOU.
Na foto vemos os amigos: David Mangueira, Roni, Alcindo Souto, Gilberto Borrachão, Mamede, Dailton  (Coelho) Abaixo: Alfredo, Tadeu ( 2  de Ouro) Orlando e Pirra. 
Solicito aos foliões de antigamente que ao lerem este documentário histórico
mandem suas fotos para que a gente mate as saudades aqui.


 Bloco As Marinheiras – Carnaval de 1966 no AABB –
Na foto vemos; Hildete Brito, Ivanilde, Gloria, Terezinha, Nilreide Feitosa e Margareth Brito entre outras pessoas.

-->
Bloco do Palmeirinha: Flávio  Cirne, Antônio Lídio, Luiz Helder, Deka, Aldanir,
Paulo Cirne, Fábio, Sobral  e Marcílio Soares


A BATUCADA NO CARNAVAL DE 1974 NA CASA DE DR. FIÚZA


Da esquerda para direita: Evandro Sabino, Hebe (Nego Chapa), Pedrosinha, Othonzinho, Ricardo Maverik, Hermininho Soares, (os dois galeguinho por trás de Hermínio, Denival e Denilvon, vizinhos de Tércio), Túlio, Roberto Agra, Tércio, (atrás de Tércio, Eliú), Zé Carlos, Marcílio, Antônio Fernando, Cacau (no bombo), Cartaxo e Zé Magno Brasil(Gerente do Banco do Brasil, pai de Zé Gás), o casal em pé por trás é nada mais nada menos do que Antônio Hamilton (Burra cega) e sua esposa na época aquela da família Hamad!

36 comentários

  1. Marliuce F. Araujo on 24 de novembro de 2010 09:47

    Jobedis parabens!!!!!!!!!!!

    E pensar que eu já vivi uma grande parte dessas "Histórias dos Carnavais" que você mostrou. Como foi bom reviver tudo isso.Muito boa a sua idéia de relembrar o carnaval de Campina Grande. Valeu a pena ver as imagens do carnaval antigo.Hoje tudo se resume em escolas de Samba no Rio e São Paulo, nos Trios Eletricos baianos ou no carnaval de Pernambuco, o único que ainda mostra o antigo folião e a alegria verdadeira do carnaval.

    Parabens ao portal por ter um colaborador do quilate do Jobedis.

     
  2. Aldo siqueira Campos on 24 de novembro de 2010 09:56

    Moro atualmente em Recife e aqui nós estamos tendo um dos grandes carnavais mas nada se compara aos bons carnavais ai de minha cidade querida Campina Grande. Como era bom o carnaval da Maciel Pinheiro e da AABB. O campinense deixou o carnaval passar, mas eu dei a sorte de vir morar em Recife e ver que como você mostrou o passado, hoje ainda temos o mesmo carnaval.
    Valeu a sua lembrança. JOBEDIS Gostamos muito, eu e minha mulher, de tudo que você mostrou dos antigos carnavais e suas Histórias.

     
  3. Lucia Rocha on 24 de novembro de 2010 10:19

    Parabéns Jobedis. Parabéns e muito obrigado por nos trazer tão boas lembranças dos bons carnavais que passamos em decadas passadas. A festa infelizmente não continua,o caranval de hoje já não é aquela festa. Nós temos que agradecer por tudo que você escreveu e mostrou.
    Continue assim, trazendo o que é bom quando for aqui para os Retalhos Historicos de Campina Grande se possivel.

    Saudações Campinense
    Lucia Rocha
    Sua admiradora

     
  4. NORBETSON NUNES VALADARES on 24 de novembro de 2010 10:25

    COMO LEITOR ASSÍDUO DESTE PORTAL VEJO COM MUITA RECORDAÇÃO AS COISAS DO NOSSO PASSADO. COMO É BOM RELEMBRAR COISAS DE NOSSA QUERIDA CIDADE DE CAMPINA GRANDE DE TEMPOS IDOS. ESTAVA AGORA MESMO LENDO E RELENDO TUDO E VENDO AS FOTOS E PASSEOU UM FILME PELA MINHA CABEÇA. É BOM SABER QUE SER SAUDOSO NÃO É SER VELHO. É GOSTAR DO QUE É BOM.

    PARABENS JOBEDIS E OBRIGADO POR TRAZER ESSAS LEMBRANÇAS PARA NÓS QUE JÁ PASSAMOS POR TUDO QUE ERA BOM E NÃO CONSEGUIMOS NOS ACOSTUMAR COM AS COISAS QUE HOJE ACONTECEM SEM O CALOR HUMANO DE OUTRORA.


    NORBETSON NUNES VALADARES

     
  5. Carlos Tadeu Gomes on 24 de novembro de 2010 10:36

    Maravilhoso, mais um belo trabalho de Jobedis Magno, grande historiador de nossa cidade, trabalho belo e de bom gosto. Seu excelente comentário enriqueceu bastante o RHCG com as informações baseadas em fotos historicos e veridicos, valeu!. Novamente copiei tudo e salvei em meus documentos..

     
  6. Jonas Didi on 24 de novembro de 2010 14:19

    Lembrar do passado, não com melancolia, e sim com saudades e amá-lo.

    Parabéns amigo Jobão, pois é vc que nos dar este grande prazer resgatando todos
    esses detalhes, o que faz a saudade permanecer em todos nós.

    VALEU!!!

    DO AMIGO, JONAS DIDI...

     
  7. Celso de Freitas Nobrega on 24 de novembro de 2010 14:36

    Não sou de Campina Grande mas morei por longos anos nela e foi nesta bela cidade que me formei e tenho muitos amigos em Campina e em minha empresa um dos colaboradores é um "campinense de nascença e trezeano de coração" que defende piamente sua cidade natal. E eu tambem participo de suas opiniões, pois acredito que Campina é umas das cidades de maior qualidade de vida da região. Parabens ao Jobedis por tão belo resgate de um carnaval que tambem me orgulho de ter participado por muito tempo.

     
  8. Sinésio Sousa on 24 de novembro de 2010 14:47

    Grande Jobedis mais uma vez me emocionou. Qualquer hora dessas vou lhe convidar para tomar umas cachaças e lembrar ou reviver personagens que conheci nessa Campina Grande do meu tempo como o Sabará, Fuba Vei, o Pai Velho (Grande treinador), o Nego Gilson figuras folcloricas de nossa Historia. .
    Parabéns Jóbedis. Mais uma vez, você relembrando o passado. Tive a felicidade de como "Estudante do Gigantão" , participar de memorável carnavais.

    Abraços
    Sinésio Sousa

     
  9. HONORIO PEDROSA on 24 de novembro de 2010 15:12

    CARO AMIGO JOBÃO, MAIS UMA VEZ A PARCERIA CGRETALHOS E VOCE COM ESSA INICIATIVA, FAZ COM QUE POSSAMOS PEGAR O TREM PARA UMA BELA VIAGEM ATRAVÉS DOS TEMPOS, REVIVENDO NAS NOSSAS LEMBRANÇAS E SAUDADES DOS NOSSOS VELHOS CARNAVAIS.
    COMO ME MUDEI RECENTEMENTE, NÃO ESTOU ACHANDO ALGUMAS FOTOS, PRINCIPALMENTE DO BLOCO DA SAUDADE NO ANTIGO BECO 31.
    MAS ASSIM QUE ENCONTRA-LAS JUNTAREI COM ALGUMAS MAIS DE PEDROSINHA E OUTROS AMIGOS PARA ACRESCENTAR E ENRIQUECER ESTE BELO BLOG E ESSAS LEMBRANÇAS QUE NÃO SÓ SÃO SUAS, MAS DE TODOS NÓS E DE ALGUNS QUE JÁ SE FORAM.

    ABRAÇOS
    NORINHO PEDROSA

     
  10. Maria de Lourdes Paz on 24 de novembro de 2010 15:16

    Mais uma vez, Jobedis vem com as coisas boas de nosso passado. Com o resgate dos ’Antigos Carnavais”, um resgate aos áureos tempos desta festa tão popular em terras paraibanas. Que, no passado, reunia pessoas de todas as idades. Os que viveram essa época podem relembrar os momentos de alegria ao som das velhas marchinhas e os mais jovens que têm acesso a net ver e pesquisar uma parte da cultura carnavalesca qda nossa cidadeue perde cada vez mais espaço.

     
  11. Eudes Sousa da Mata on 24 de novembro de 2010 16:08

    Jobedis
    PARABENS pela matéria !!!!!!!!!!! Parece que o campinense das antigas está revivendo um pouco esta época Maravilhosa , que ainda cheguei a curtir um pouquinho.
    Simplesmente sensacional!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

     
  12. Ellias Fonseca on 24 de novembro de 2010 16:20

    Jobedis acompanho seus comentários já tem algum tempo, mas hoje me tocou lá no fundo quando você citou os antigos carnavais de nossa cidade. Vivi boa parte disso amigo, vi as famílias inteiras sentadas no meio-fio assistindo, além dos blocos os desfiles dos corsos. Sua coluna me transportou para a época em que era jovem, quando brincava o carnaval de rua ouvindo marchinhas que ainda presentes na minha mente. Obrigado por eu estar revivendo estes momentos do passado, vendo na manhã desta quinta-feira, que vêm e vão sem parar.

    Um grande abraço Ellias Fonseca (Padeco)

     
  13. Francisco de Assis do Nascimento on 24 de novembro de 2010 16:37

    Caro Jobedis você não me conhece, mas eu sou seu fã deste o portal Agora esportes do qual você era o cronista mais acessado. Pois é amigo os antigos e bons carnavais foram extintos na nossa cidade. Em outras cidades como em Salvador onde resido atualmente o carnaval continua, mas não é o mesmo, os participantes é que mudaram e pra pior, falta educação e tambem existe muita violência. Tem gente de todo lugar. Essa mistura faz com que as pessoas se afastem dessa festa. Vejo um numero crescente de blocos nas ruas mas a qualidade esta bem distante dos anos de glórias que você mencionou acima. Ao passar dos anos houve uma grande perda do carnaval de rua isso porque o carnaval passou a ser comercial, onde há milhões de reais em jogo tornando-se um jogo muito lucrativo. Entidades representantes e poder público tem que estar presente e discutir todos os pontos de vista para que o carnaval de rua não desapareça ao passar dos anos. Aos amantes do carnaval de rua façam alguma coisa com urgência porque estamos caminhando pra ficar enterrados em paginas de livros e virar histórias como essa contado por Jobedis.

     
  14. Catarina Leal on 25 de novembro de 2010 08:30

    Como é bom ver que ainda tem gente escrevendo sobre as coisas boas de antigamente em Campina Grande. Esta agora dos antigos carnavais está de lascar de boa. Pense numa materia boa de ler e reler. Os antigos carnavais dava gosto de ver e brincar. Jobedis parabens e não deixe nunca de relembrar as boas coisas que tinhamos e que infelizmente já não temos mais.

     
  15. Maria Antonieta Mariz on 25 de novembro de 2010 09:34

    Muito boa a matéria Jobedis. Resumir a história dos antigos car-navais campinense em poucas linhas é muito difícil, mas você conseguiu tocar nos pontos principais.
    Eu, campinense da gema radicada agora em São Paulo desde 1974, ainda cheguei a curtir um pouco dos fantásticos carnavais campinenses nos clubes: AABB e Campinense Clube com orquestras muitos boas; e via a folia nas ruas, com os blocos nos corsos, os banhos de maisena no tra-jeto entre na praça da Bandeira e Rua Maciel Pinheiro, pelas ruas Cardosos Vieira e Venancio Neiva etc... Muita coisa para contar que se perdeu em tão pouco tempo. Uma pena...
    Que bom seria reviver tudo aquilo. Resta apenas recordações boas como esta por enquanto. Aproveito para parabenizar o Sire RHCG' por mante-rem-se fiéis em reviver o nosso passado e nossas origens.
    Parabéns a você também Jobedis-pela bonita matéria

    Maria Antonieta Mariz

     
  16. Iris on 25 de novembro de 2010 11:09

    Iris: Esse resgate dos carnavais é algo que nunca vi em nenhum outro lugar. Parabéns Jobedis

     
  17. Ilia Noronha on 26 de novembro de 2010 08:35

    Ola jobedis!!!
    Parabéns pela homenagem aos antigos carnavais de Campia Grande de outrora e pelo excelente texto.
    Vc sabe como acrescentar coisas boas na minha cultura.
    abraços.

    Ilia Noronha

     
  18. Paulo Cesar Granjeiro on 26 de novembro de 2010 08:39

    Grande Jobedis um abraço a você e parabéns amigo,sempre nos brindando com suas pesquisas de minha cidade onde nasci e que adoro mesmo morando distante.

    Paulo Cesar Granjeiro - Niterói, RJ 26/11/2010 8;37

     
  19. Schneider Morales on 26 de novembro de 2010 08:55

    Jobedis seu relato sobre os antigos carnavais foi Maravilhoso. Texto deslumbrante. Relato perfeito. Roteiro de Primeira, como a gente diz aqui em Bagé. O RHCG Esta pronto para ganhar o mundo. Parabéns a todos deste belo portal.

     
  20. Evandro de Freitas Tapejara on 26 de novembro de 2010 08:59

    Caro Jobedis, adorei esta história sobre os antigos carnavais de sua cidade, me emocionei da forma simples e tão marcante de se contar uma história. Foi surpreendente, gostei de verdade. É a minha 1ª vez que participo deste belo portal da cidade de Campina Grande, mas diante desta linda história, tirei um tempo, pq tinha que deixar meu comentário.
    GOSTEI POR DEMAISSSS, abraço e continue assim, emocionando com histórias que se aproximam do real…Abs…Evandro de Freitas Tapejara

     
  21. Rafael Radies Silva on 26 de novembro de 2010 09:05

    Jobedis esta de parabéns por todo este trabalho maravilhoso que esta realizando, mostrando a cultura da cidade para o Brasil e o mundo, parabéns mesmo Jobedis este texto sobre os antigos carnavais de sua cidade, foi um espetáculo, mostrando fotos e seus personagens!! Parabéns ao site por divulgar tão bem esta cidade que só conheço de nome e pela internet, mais um dia vou ai ver suas festividades tão falada !!!

     
  22. CLAUDIO SANTOS NOVAIS on 26 de novembro de 2010 15:38

    PARABÉNS JOBEDIS, GRANDE MATERIA E GRANDE SACADA EM PUBLICAR IMAGENS DOS CARNAVAIS ANTIGOS DE NOSSA CIDADE! EM ESPECIAL NOSSOS QUERIDOS E SIMPÁTICOS BLOCOS. TEM MUITA HISTÓRIA PRA CONTAR… SUGIRO AO PORTAL QUE SEMPRE FAÇAM MATERIA DESTE PORTE NO SITE POIS ALEM DE REVIVERMOS UM PASSADO BELO TEMOS O PRAZER DE VER COMENTÁRIOS DE ANTIGOS PERSONAGENS DE NOSSA HISTORIA.ESTE SITE ATUALMENTE TEM GRANDE RELEVÂNCIA, INFORMAR AOS BLOGUEIROS QUE ESTE PORTAL ESTÁ EM ATIVIDADE EM POUCO TEMPO MAS QUE JA ATINGIU UMA GRANDE ACEITAÇÃO POR PARTE DOS INTERNAUTAS. EMBORA NÃO TENHA A DEVIDA E MERECIDA ATENÇÃO, POIS DE ACORDO COM SEU PASSADO GLORIOSO RECEBEM MUITO POUCO COMENTÁRIOS DE SUAS MATERIAS UMA PENA,,,,,,, VISITEM. VIAJEM PELA HISTÓRIA E FAÇAM UM COMENTÁRIO SADIO, POIS SÃO FOTOS DOS DESFILES ANTIGOS, HISTÓRICO DA NOSSA CIDADE ATUAL CONDIÇÕES QUE SE ENCONTRA.
    mESMO EM eSTOCOLMO NA sUECIA VEJO QUASE QUE DIARIAMENTE ESTE PORTAL.
    PARABENS VCS NOS DEIXA ORGULHOSOS.

     
  23. Anônimo on 26 de novembro de 2010 15:49

    Hoje AO LER O rhcg FIQUEI com o coração preso a um tempo que, infelizmente, não volta mais. Recordei os meus tempos de juventude, brincando os carnavais de rua no nosso tão amado bairro de São José. Meu pai, era um filho inlegítimo desse tão querido bairro, mas amava como um filho. Eu via na minha infancia alguns blocos desfilem pelas ruas do bairro. Nessa época do ano o bairro começava a ferver com os ensaios de blocos e escolas de samba perto de minha casa na rua São Joaquim. Assistíamos aos ensaios quase todos os dias antes dos carnavais, pense num tempo bom.

     
  24. Manoel Antonio Silva on 26 de novembro de 2010 16:00

    Grande Jóbedis parabens por honrar suas origens e nosso bairro para o mundo. Sou nascido na Rua José do Patrocinio, fui varias matinés na AABB e participei das folias de ruas na maciel Pinheiro e rodas de samba no São Jose e por ai vai.Estive com Fuba Vei antes dele nos deixar e pude lhe dar um grande abraço. Não pude estar em Campina Grande na sua partida um pena. Ao ver esta materia do Jobão não pude evitar as lagrimas de ver antigos amigos esbanjando alegria.
    Abraços e muita paz para o mundo que está precisando muito.

    Manoel Antonio Silva (BIBIU)

     
  25. Maria Mendonça Torres on 26 de novembro de 2010 17:16

    Olį, Jobedis!!


    Como é bom esse encontro com o
    passado principalmente qdo. nos é per-
    metido recordar ou relembrar as coisas
    boas de campina vivenciadas por nós.
    Maria e Hérmani.

     
  26. Anônimo on 27 de novembro de 2010 09:42

    Esta matéria me remeteu ao belo passado ai da rainha da borborema, Oh tempo bom que não volta. Parabens pela matéria

     
  27. Anônimo on 28 de novembro de 2010 22:08

    Mais uma vez, parabéns! Embora tenha saído de Campina ainda nova, realizei um grande passeio ao passado...

    Fiquei feliz em ler o depoimento da minha ex-colega Antonieta Mariz, do Estadual! Já tinha mencionado seu nome em depoimento do site do Estadual. Teria imenso prazer se ela pudesse me responder! meu nome de solteira: Vera Lúcia de Carvalho Chaves. Fui sua colega nas Lourdinas e no Estadual.

    Um abraço

    Vera

     
  28. Djanira da Motta Veiga on 17 de dezembro de 2010 10:20

    Pela primeira vez visito este site sobre Campina Grande onde temos muitos parentes da familia Motta. Realmente vcs e o pesquisador Jobedis estão de parabéns por uma página de grande valor literário e histórico. Obrigado pela lembrança dos antigos carnavais, me deliciei com este belo resgate. Gostei da visita tão inesesperada deste belo portal que de agora em diante serei um dos seus seguidores. Ótimo fim de semana e um Natal muito feliz, em paz e alegria. Bjss a todos os campinenses.

     
  29. Luciano de Melo on 24 de dezembro de 2010 10:14

    Olá Pessoal de Campina Grande

    Estou morando atualmente em São Miguel do Oeste, no Estado de Santa Catarina, mas sou natural da minha Raionha da Borborema onde nasciterrinha Campina Grande , e encontrei o site por acaso e foi minha sorte,realmente o site é muito interessante e importante para quem está longe ficar sabendo o que anda acontecendo na cidade e como eu não pode ir com muita freqüência. A partir de hoje estou com o site cadastrado no meu PC para que possa ficar conectado com todos por ai, um abraço ao autor desta grande matéria Jobedis e todos e espero mais noticias.
    Luciano de Melo

     
  30. Sergio Tome dos Santos on 28 de dezembro de 2010 11:09

    Nossa que saudades, estava vagando pela internet e sem querer achei este site e essa historia ds antigos canavais de Campina Grande onde nasci. Minha vida ai parou e voltou como num passe de magica ao passado. Nasci no bairro da Liberdade em 1954 estudei no Clementino Procópio no bairro do São José e depois no Estadual da Liberdade e na Prata tempo do saudoso prof Assis martins e a megera da Divanice. Ida entre tantas outras. fui quase expulso na segunda serie do ginasio q tempo bom. Lembrar dos Carnavais da AABB e do Campinense Clube. Parabens ao escrito pela bonita historia.
    Sergio Tome dos Santos

     
  31. Paulo Figueredo Silva on 19 de janeiro de 2011 10:04

    Muito boa a matéria do colunista Jobedis. Resumir a história dos antigos carnavais campinenses em poucas linhas é muito difícil, mas você conseguiu tocar nos pontos principais.
    Eu, campinense da gema e radicado na ilha do Governador desde 1970, ainda cheguei a curtir um pouco dos fantásticos carnavais campinenses, nos clubes, AABB, Gresse, Campinense e Caçadores e nas ruas, com os blocos dos corsos os banhos de maisena no trajeto. Penso se tivesse mais apoo dos antigos carnavalescos o resgate poderia ser mais profundo. Que bom seria reviver tudo aquilo. Resta - por enquanto, espero - parabenizar os 'idealizadores do site RHCG' por manterem-se fiéis às origens.
    Parabéns a você também Jobedis pelo artigo.

     
  32. Anônimo on 5 de fevereiro de 2011 11:03

    Viajei no tempo com esta materia.`Parabens ao site e ao cronista

     
  33. Clotilde Tavares on 10 de fevereiro de 2011 23:23

    Minha gente, que fotos ótimas; eu sou mais velha do que esse povo - pelo menos do que a maior parte, acho, mas encontrei entre as fotos uma paixão de adolescente: Pirra! Ai meu Deus, eu nem me lembrava mais disso...

     
  34. Jamil Moises Said filho on 8 de julho de 2011 22:16

    por indicaçao de alguns amigos paraibanos acessei o portal e vi esta bela historia dos antigos carnavais de Campina Grande cidade que morei por mais de 30 anos. O que posso dizer: Nostalgia, paixão, fanatismo, ou seja lá o que for, a verdade é que esse amor pela terra que serviu de meu berço é infindo. As lembranças dos primeiros passos estão sempre presentes no cotidiano de cada um de nós. No carnaval, por exemplo, da década de sessenta até meados de oitenta, na cidade Rainha da Borborema, somente quem viveu aqueles áureos tempos poderá mensurar o tamanho da saudade que vivemos nos dias atuais.O Jobedis que conheci na epoca da juventude mostrou tudo.

     
  35. Ronaldo Alirio on 25 de outubro de 2015 11:46

    Olá Jodebis !
    Gosto muito de acompanhar e ver o seu blog.
    fiquei surpreso em ver uma foto (a primeira), onde aparece o meu pai Alírio Queiroz de Oliveira. Porém , na sua descrição de nomes ele apareceu como "Edvaldo do Ó", numa contagem que começa com Raimundo Asfora.
    Foi muito bom ver o seu trabalho e poder fazermos uma viagem no tempo:
    Campina Grande agradece.
    Parabéns!
    Abraços,

    Ronaldo Alírio D. de Oliveira

     
  36. Ronaldo Alirio on 25 de outubro de 2015 11:46

    Olá Jodebis !
    Gosto muito de acompanhar e ver o seu blog.
    fiquei surpreso em ver uma foto (a primeira), onde aparece o meu pai Alírio Queiroz de Oliveira. Porém , na sua descrição de nomes ele apareceu como "Edvaldo do Ó", numa contagem que começa com Raimundo Asfora.
    Foi muito bom ver o seu trabalho e poder fazermos uma viagem no tempo:
    Campina Grande agradece.
    Parabéns!
    Abraços,

    Ronaldo Alírio D. de Oliveira

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br