Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?


É polêmico tratar do "avanço" modernístico pelo qual Campina Grande foi imposta durante a gestão de Vergniaud Wanderley.

Buscando alinhar as vias centrais da cidade, foi planejada a Avenida Floriano Peixoto a qual forçou, entre outras, a demolição da Igreja do Rosário que ficava entre a Praça da Bandeira e o Cine Capitólio, acabando com o largo e ampliando mais ainda a perspectiva de crescimento da nova avenida;

A Cúria Diocesena fora indenizada e a Igreja do Rosário foi construída onde hoje a conhecemos no bairro da Prata.

ATUALIZAÇÃO DO TÓPICO:

Colorizada e tratada por Jonatas Rodrigues Pereira, reproduzimos a imagem da Igreja do Rosário:


1 Comment

  1. Ribamar Bezerra on 28 de setembro de 2009 13:35

    Parabéns pela iniciativa cara, pena que o que reste de campina seja fotos e alguns poucos prédios tombados. Seu blog é ponto de referencia com certeza, nossa história está aqui.

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br