Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Em 2016, em meio as notícias do fechamento temporário do Museu Assis Chateaubriand, o Blog RHCG resgatou a inauguração do primeiro Museu de Arte da cidade, no ano de 1967. Tal evento foi tão grandioso, que mereceu reportagem especial da maior publicação impressa do Brasil nos anos 60, a lendária revista "O Cruzeiro". As páginas a seguir contam a história (cliquem nas imagens para ampliá-las):







Texto extraído da Wikipédia:

O Museu de Arte Assis Chateaubriand (MAC) foi criado em 1967, fruto da Campanha Nacional dos Museus Regionais, idealizada pelo magnata das comunicações Assis Chateaubriand, que tinha por objetivo dotar as diferentes regiões do Brasil com expressivos acervos de arte. Foi administrado pela Fundação Universitária de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão (Furne), uma instituição privada sem fins lucrativos, que atualmente se chama Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

O museu estava sediado em um edifício histórico, erguido na década de 1920 para abrigar a primeira escola estadual de Campina Grande, e foi transferido para um novo prédio no bairro do Catolé. Sua coleção é composta por mais de 500 objetos, entre pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e colagens, produzidos por artistas brasileiros e estrangeiros, abrangendo majoritariamente o período que vai do Academicismo oitocentista às vanguardas da década de 1960.

Ao texto acima, corrigimos que o museu não foi transferido para o Catolé, a UEPB construiu o MAC, Museu de Arte Contemporânea, que contém algumas peças emprestadas do 'Assis Chateaubriand', que continua sob responsabilidade de manutenção da Furne, que não deixou de existir!

2 comentários

  1. Anônimo on 5 de maio de 2017 10:15

    Em outubro(daqui há 5 meses) o museu vai completar 50 anos de existência.
    Vai continuar fechado? Um vergonha!

     
  2. Anônimo on 27 de novembro de 2017 15:55

    Existe alguns erros, o Museu de Artes Assis Chateaubiand não foi transferido para o Catolé, apenas algumas peças foram emprestadas. A FUrNe ainda existe e permanece detentora do património.

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br