Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Vista da Av. Floriano Peixoto: Abrigo Maringá, Pç Clementino Procópio.

É com muita alegria que hoje te presto esta homenagem. 

Faço parte de teu seio há mais de 20 anos, porém, somente hoje concretizo um sonho que sempre tive vontade de realizar: homenagear a Terra que Deus abençoou dando-lhe a coroa de Rainha da Borborema.

Tuas ruas, teus parques e tuas praças foram e são palcos de minha vida. Em ti já firmei raízes que dificilmente o tempo conseguirá arrancá-las. Impossível será não te carregar no coração se um dia eu tiver que adotar outra cidade para viver.

Olhando tuas imagens, logo vêm na cabeça as lembranças do perfume das tuas manhãs; dos crepúsculos de final de tarde que sempre me inspiraram; da infância vivida nos bairros do Centro, da Prata e das Nações; dos tempos de colégio no tradicional colégio das Lourdinas; dos momentos em família no Parque da Criança e no Clube Campestre; das emocionantes disputas eleitorais e futebolísticas; das Micarandes “puladas” e do Maior São João do Mundo no Parque do Povo; das caminhadas pelo Açude Velho; dos fins de noite nos traillers do Açude Novo; enfim, tantas recordações e alegrias que só me foram permitidas vivenciá-las – e ainda vivê-las -  graças à condição de ser filho deste recanto abençoado do Brasil.

Permita-me Deus que um dia eu possa fazer por Campina muito mais do que ela já fez por mim. Mãe de tantos poetas e escritores, acostumada a receber declarações da altura do mais alto planalto que ocupa, hoje me reservo apenas a escrever nestas linhas o mais inenarrável amor de filho que esta cidade fez florescer dentro de mim.

Parabéns Campina!
Foto do Acervo Particular de Diego Gayoso

2 comentários

  1. Anônimo on 26 de abril de 2011 13:04

    Boa tarde. Sou ex aluna do Integrado da FURNE. Estou em busca de uma ex amiga de turma que se chama ROSELE, nós estudamos juntas na 4ª série. Não tenho muito informação a respeito. Lembro que estudamos em 1980 ou 1981 e que ela morava ali ao lado da linha do trem na estação velha. Se por acaso alguém tiver alguma informação dela que possa me dar, por favor envie para meu email
    pessoa.emilia@hotmail.com
    Muito grata pela grande ajuda.
    Foi uma época muito feliz qdo estudei nesse colégio, vim do interior da Paraíba pra morar em Campina Grande e acabei estudando lá.

     
  2. Gayoso on 21 de novembro de 2012 11:55

    Boa Tarde Diego
    Sou sua parente por "aderência",Sou casada com um Gayoso de Pernambuco,Emmanuel,filho de José Gayoso,sobrinho de Rimidis.
    Meu nome é Maria de Fátima Azevedo Gayoso,nasci em Campina Grande em janeiro de 1952 e fui dada para adoção ,com alguns meses de vida.Meu pai adotivo(já falecido) era Juiz de Campina Grande na epoca e ele mesmo me adotou.
    Apesar de tanto tempo ter passado,ainda continuo com o desejo de connhecer mais sobre minha origem.Gostaria de saber se vc pode me ajudar,para que eu de inicio a essa busca,super importante para mim.A estoria é longa,eu tenho varias peças do quebra-cabeça, e talvez fosse importante saber por ex ,a maternidade,igreja e cartorio de registros da época.Vc não acha um bom inicio para a procura?
    Por favor,tente me ajudar.Um abraço
    Fátima Gayoso

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br