Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Regina Barbosa nasceu em 1940 e é mais conhecida como “Poroca”. Já Maria Barbosa, nascida em 1944, também é mais conhecida como “Maroca” ou “Lia”. Nascida em 1950, Francisca da Conceição Barbosa, da mesma maneira, é conhecida por outros dois nomes: “Indaiá” ou “Gueão”. As três são cegas de nascença e passaram a infância e juventude cantando nas feiras do interior dos Estados de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas e, é claro, Paraíba.

Em meados dos anos 70, elas passaram a viver em Campina Grande em companhia da mãe e de outros 14 parentes e agregados, a quem sustentavam com as ofertas em dinheiro que conseguiam cantando no centro da cidade.

Foram protagonistas do filme "A pessoa é para o que nasce",de Roberto Berling e modelos da nova campanha da marca Cavalera. Receberam os Títulos de Mestres das Artes por propositura de uma ONG.


Vídeos:


Reportagem da Rede Globo:


Reportagem da TV Itararé:

4 comentários

  1. maniaco_da_camera on 23 de outubro de 2011 14:28

    no 1° video aos 3:33 onde as ceguinhas estão na praça do meio do mundo eu vi as gravaçoes rapidamente pois na hora passava para o municipio de boa vista no onibus da empresa real mas na epoca nem imaginava do que se tratava se fosse hj em dia eu pediria parada na hora pra testemunhar tudo

     
  2. **Arte em Panô** on 19 de novembro de 2012 09:18

    EU VI O FILME, DOCUMENTÁRIO DA CULTURA,FIQUEI TÃO EMOCIONADA... PRÁ MIM FOI UM TÁPA NA CARA.

     
  3. Camargo Bezerra on 12 de outubro de 2015 01:03

    Como Fasso p ver o filme?

     
  4. Camargo Bezerra on 12 de outubro de 2015 01:03

    Como Fasso p ver o filme?

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br