Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?


Nascido Francisco Jozenilton Veloso, em 08 de maio de 1971, na cidade de Coremas, alto sertão paraibano, começou sua carreira, trabalhando no Teatro Municipal Severino Cabral de Campina Grande. Desenvolveu seu perfil 'multimídia' como cartunista político do jornal 'A Palavra', onde foi batizado de "Shaolin" pelo jornalista Mica Guimarães, um dos diretores do periódico.

Lançou-se artisticamente em Campina Grande, "arremedando e fazendo munganga", como ele mesmo dizia, satirizando personagens inspirados em personalidades da política, jornalismo e da sociedade local, o que fez Shaolin cair no gosto popular muito rápido!

Em nível nacional participou de vários programas da televisão brasileira, como Domingão do Faustão, A Praça É Nossa, Show do Tom... seu último trabalho foi no programa Tudo é Possível, apresentado por Ana Hickmann, na Rede Record de Televisão, emissora que de forma honrada manteve Shaolin entre seus contratados, mesmo após o acidente automobilístico que o impossibilitou continuar sua trajetória de sucesso, ocorrido na madrugada do dia 18 de janeiro de 2011, às 23:40hs, na BR-230 Alça Sudoeste, em Campina Grande. 

Shaolin recebeu alta hospitalar, após 145 dias internado, porém em "estado mínimo de consciência e clinicamente estável", segundo o hospital. Em setembro de 2012, a apresentadora Ana Hickmann esteve em Campina Grande para visitá-lo e, deu-lhe um aparelho importado da Suécia que permitia a comunicação através de movimentos com os olhos. A reportagem mostrou que o humorista apresentava capacidade de comunicação e o aparelho seria um diferencial em seu tratamento à partir daquele momento.

Ontem, no entanto, 13 de janeiro de 2016, Shaolin apresentou um quadro febril e deu entrada na UTI da Clínica Santa Clara, em Campina Grande com infecção respiratória, quadro muito comum para pacientes acamados, quando na madrugada de hoje, 14 de janeiro, o humorista sofreu uma parada cardíaca e seu falecimento foi confirmado pela sua família.

*********************************************************************************

O jornalista Marcos Marinho, editor geral do Jornal 'A Palavra', postou a foto abaixo, da redação do jornal em seus primórdios, com a presença de Shaolin à prancha, desempenhando suas funções de chargista.


Marinho: "Nossa primeira redação (APALAVRA) era formada por gênios: Mica, Genivaldo, Marcos Alfredo... E Shaolin na prancheta."

2 comentários

  1. Valfrêdo Farias on 15 de janeiro de 2016 22:24

    Conheci Nito, era assim que o chamávamos, antes de explodir com seu humor para o Brasil, em 1992. Ele namorava uma prima minha e era simplesmente carisma, simpatia. Em '93, esteve conosco acompanhando a passagem de queridos entes e depois contatos rareados. Encontrei-o por acaso numa padaria perto de casa quando estava com o Faustão, e foi aquela festa, chamou-me num canto, puxou a carteira e mostrou orgulhoso seu crachá da Globo, dizendo que havia conseguido. Parabenizei-o, nos congratulamos e depois nunca mais o vi pessoalmente, somente seu sucesso na TV e por onde mais se enfiava. Que os bons espíritos de luz possam ampará-lo e à sua família, lhes dando o devido linimento. Fica em paz Nito.

     
  2. Valfrêdo Farias on 15 de janeiro de 2016 22:28

    Este comentário foi removido pelo autor.

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br