Serviço de Utilidade Pública - Lei Municipal nº 5096/2011 de 24 de Novembro de 2011
Criado por Adriano Araújo e Emmanuel Sousa
retalhoscg@hotmail.com

QUAL ASSUNTO VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?


Muito antes do Parque Evaldo Cruz, muitas vezes já retratado no BlogRHCG, ali havia o até hoje nominado 'Açude Novo', manancial construído para aumentar o suporte de água da população em 1830. 

Ao lado do reservatório, também havia uma referência que se tornou histórica: um local conhecido como 'os coqueiros de Zé Rodrigues', área geográfica onde hoje se encontra o Parque do Povo!

Ao longo da História deste Blog, muito já se citou e até se mostrou (mesmo que de longe), esta conhecida e saudosa área...  o que nunca tínhamos postado era uma foto mais próxima, quiçá, dentro do local, como agora trazemos, saciando uma grande curiosidade para quem não viveu aquela época!

A foto postada foi possível através da colaboração de Saulo Araújo, sendo Álvaro Araújo, o elegante senhor protagonista da foto, um dos ex-diretores do Banco do Comércio.

Abaixo, alguns comentários sobre os Coqueiros...




2 comentários

  1. cleudo on 24 de junho de 2015 15:47

    Quando criança,eu ia jogar bola com outras crianças e meu primo-irmão TOINHO,no campinho embaixo dos coqueiros.O GIL sempre ficava na janela da sua casa,proximo ao campinho,olhando a molecada jogar.Lembro que o TOINHO e outro primo nosso,arriscava saltar de cima da ponte,pendurado numa corda,amarrada no coqueiro,balançando até parar de vez lá embaixo.

     
  2. Edmilson Rodrigues do Ó on 28 de junho de 2015 20:05

    Ah... quanta saudade daquela época! O açude que nunca ficou velho; à margem esquerda já era o convento das Clarissas e, à margem direita, a casa do Dr. Bonald Filho. Por traz da barragem, os imortais Coqueiros de Zé Rodrigues que se constituia num belíssimo cartão postal de Campina Grande. No interior daquela área por traz de onde se localiza a AABB atualmente, funcionou durante muito tempo a estação de radiocomunicações pertemcente ao Lóide Aéreo, cuja torre que fixava a antena era visível à distância. Quanto a Álvaro Araújo era uma figura conhecidíssima demais ao lado do Sr. Catão no Banco do Comércio de Campina Grande que funcionava no início da Rua João Pessoa esquina com a Rua Marquez do Herval. Para quem ver a agitação reinante atualmente no Parque do Povo, jamais imagina que ele foi erguido num dos locais outrora mais tranquilo de Campina Grande - Os Coqueiros de Zé Rodrigues.

     


Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br